Ginecologia: uma grande oportunidade para a sua carreira médica

Historicamente, as mulheres sempre olharam com mais cuidado para a saúde do que os homens. Logo, a ginecologia é uma especialidade que sempre está em alta na medicina, seja no serviço público ou na saúde privada.  

A ginecologia é uma das especializações mais procuradas da área médica. O estudo Demografia Médica, pesquisa encomendada pelo Conselho Federal de Medicina (CFM) e pelo Conselho Regional de Medicina do Estado de São Paulo (CREMESP) revela que, no Brasil, mais de 25 mil ginecologistas estão em atividade atualmente.  

Entenda a especialidade em ginecologia

A ginecologia é a área que cuida da saúde das mulheres, especialmente do sistema reprodutivo do corpo feminino. Trata-se de um profissional especializado, que além de tratar doenças, infecções e desequilíbrios no aparelho reprodutivo feminino, está capacitado para realizar exames preventivos e orientar a paciente para a manutenção de sua saúde, sobretudo para uma vida sexual saudável.  

Além disso, o ginecologista realiza o acompanhamento da saúde geral da mulher. É ele ou ela quem está sempre atento para diagnósticos e prevenção de doenças nas mamas, ovário e ISTs (Infecções Sexualmente Transmissíveis), entre outras questões de saúde.  

Entre o diagnósticos e cuidados referentes à saúde da mulher, se destacam quadros de:

  • Candidíase
  • Irregularidade menstrual
  • Cólica menstrual
  • Infertilidade
  • TPM
  • Câncer de mama, colo de útero, ovários ou vulva
  • Mioma uterino
  • Alterações hormonais
  • Endometriose
  • Menopausa
  • Climatério

O ideal é que a mulher consulte este especialista para uma consulta anual de exames de rotina ou especificamente em caso de dores, alterações ginecológicas, dor ao urinar, alterações menstruais, infecções, gravidez, infertilidade, e, sobretudo, para consulta primária após a primeira menstruação.

A ginecologia ambulatorial

A assistência médica em ambulatório é um tipo de atendimento na ginecologia que tem como objetivo dar atenção básica às mulheres, ampliar ou até mesmo absorver a demanda dos grandes hospitais. Esse segmento oferece serviços de apoio e diagnóstico em tudo o que é relacionado à saúde feminina.  

Este tipo de médico ginecologista atua na prevenção, diagnóstico e tratamento de problemas ligados ao trato reprodutor feminino. Além disso, é o responsável pela prescrição de métodos contraceptivos, pelo papanicolau (exame anual para prevenir o câncer de colo de útero), entre outros que atuam significativamente na qualidade de vida da mulher.

Salário do ginecologista

Um ginecologista no Brasil recebe, em média, um salário de R$6.200, segundo dados de plataformas de empregabilidade. Porém, quanto maior o tempo de experiência, esses ganhos podem aumentar significativamente e chegar em torno de R$19.500.

Você já pensou em seguir sua formação médica nessa área?

Autor(a)

Os médicos que leram esse post, também leram:

Todos os Posts