Saiba como divulgar sua clínica nos meios digitais

Você já viu aqui no Viver de Medicina a importância da presença de um médico nas redes sociais e de este profissional conhecer um pouco sobre marketing digital. Mas por onde se deve começar? Quais estratégias são as mais eficientes? Que tipo de conteúdo fazer? Deve-se tomar alguma precaução?

Este conteúdo vai te ajudar. Então continue a leitura!

O que você deve saber antes de começar

É importante ressaltar, primeiramente, que a presença no meio digital deverá ser uma forma de divulgação dos serviços médicos e não uma substituição do atendimento presencial. Segundo o Conselho Federal de Medicina (CFM), médicos não podem realizar consultas, diagnósticos ou prescrições de medicamentos por meio de redes sociais, podendo, apenas, comunicar-se com os pacientes para solucionar dúvidas simples.

Sabendo disso, para começar, pense em seu público-alvo. Conheça bem as necessidades de seus pacientes e procure entende-las. Assim você terá mais chances de se divulgar como um profissional competente.

Cuide da sua imagem

Lembre-se que o seu perfil nas redes sociais deve ser profissional, portanto, evite compartilhar imagens muito pessoais do seu dia a dia no trabalho e expor pacientes. Invista em um perfil profissional para divulgar conteúdo relevante à especialidade na qual você atua e para se comunicar com seus pacientes.

Fique atento também ao que você curte ou compartilha nas redes utilizando o perfil profissional, pois seus seguidores vão te considerar um formador de opinião e tomar o que está em sua página como uma verdade absoluta. Portanto, sempre verifique as informações antes de postar e confira as publicações em que você está marcado.

As redes sociais também podem ajudar você a fazer excelentes contatos profissionais, mais um motivo para estar sempre atento à sua imagem e conduta na internet. Uma boa dica é participar de grupos da sua área para ter contato com profissionais de todo o país e participar de discussões sobre diversos temas de seu interesse.

Ofereça conteúdo que agregue ao leitor

Seja através de dicas na sua página no Facebook, vídeos no Youtube ou textos mais completos e e-books em blogs, oferecer bom conteúdo é uma das estratégias mais versáteis e eficientes para atrair seu público, ou seja, fazer o internauta se tornar seu paciente!

Assim, aborde assuntos sobre os quais você mais tem domínio e facilidade em falar sobre e use a plataforma que te deixe mais confortável – caso este conteúdo seja produzido por você ou por terceiros. Se você não tem problema com exposição e possui uma boa dicção, investir em vídeos pode ser uma boa ideia.

Caso você se dê melhor com as palavras, faça postagens, textos e e-books com informações relevantes. Enviar e-mail marketing ou newsletter também pode ser uma ótima estratégia para cultivar o interesse de seus atuais e futuros pacientes.

Precauções e questões éticas

Em 2015, o Conselho Federal de Medicina resolveu regular a ação dos médicos nas redes sociais, criando a resolução 2126/2015 que acrescenta algumas diretrizes à resolução de 2011, que aborda a publicidade do médico e de seus serviços prestados.

A publicação define o comportamento adequado dos médicos nas redes sociais e proíbe a divulgação de técnicas não consideradas válidas pelo CFM, além da postagem de selfies e divulgação e titulação que não possa comprovar.

Saiba mais!

Quer saber ainda mais sobre o universo do marketing digital? Então não perca o Curso de Marketing Digital Para Médicos! É um curso totalmente online ministrado pelo Breno Koscky, redator chefe do portal Mercado E-commerce, consultor em marketing de performance e criador de projetos para grandes empresas como a Fiat, Iveco e Info2.Para saber mais sobre o curso e fazer a sua inscrição, basta clicar aqui!

Autor(a)

Os médicos que leram esse post, também leram:

Todos os Posts