Fellowship em medicina: o que é, como funciona e benefícios

Autor(a)

A especialização em medicina é muito importante para os médicos, pois além de ajudar a oferecer o melhor atendimento ao paciente, é uma vantagem para se destacar no mercado. Mas o que fazer para conseguir se especializar e se diferenciar de outros profissionais? Nesse processo de especialização ao longo da carreira, o médico precisa realizar alguns cursos e programas de capacitação, como residência e pós-graduação. Mas, além destes, um programa que pode ser um grande diferencial na carreira de qualquer médico é o fellowship.

A seguir, vamos explicar tudo sobre o fellowship: o que é, diferenciais, quanto tempo dura e requisitos. Confira!

O que é fellowship na medicina?

Fellowship é um programa de complementação especializado para médicos especialistas interessados em aperfeiçoar seus conhecimentos. Ou seja, ele é direcionado para quem deseja aumentar a experiência e aprofundar o conhecimento na especialidade que já tem. Por isso, este programa é para médicos que já concluíram a graduação de medicina e também já fizeram residência. Por exemplo, um médico que concluiu sua residência em anestesia e opta depois por fazer um fellow em anestesia materno fetal. Ou um cardiologista que busca um fellowship em cardiologia pediátrica. Outra característica do fellowship é que, em geral, para sua realização é concedida uma bolsa. De acordo com Cambridge Dictionary, fellowship significa uma quantia de dinheiro que é dada a pós-graduados para permitir que eles estudem um assunto em um nível avançado. Existem opções de fellowship em medicina tanto no Brasil, como em outros países, como Estados Unidos e Canadá.

Leia também: Estudo revela dados sobre oportunidades para especialistas no Brasil

Benefícios do fellowship

Nos Estados Unidos, a maioria das fellowship é credenciada pela Accreditation Council for Graduate Medical Education (ACGME). Segundo este conselho, o médico que realiza uma fellowship desenvolve profundo conhecimento médico prático, habilidades de atendimento ao paciente e experiência aplicável à sua área de atuação especializada. Além disso, o médico adquire relacionamento com mentores e faz bastante networking. Em resumo, os benefícios do fellowship são:

  • Aprendizado na prática com especialistas renomados;
  • Maior conhecimento médico especializado;
  • Enriquecimento do currículo;
  • Reforço da reputação profissional e acadêmica do estudante;
  • Aumento de oportunidades de trabalho.

Quanto tempo dura um fellowship?

A duração de um fellowship depende da complexidade da área escolhida e da instituição. A maioria dos programas tem duração de pelo menos um ano.

Leia também: 5 dicas essenciais para iniciar o planejamento da sua carreira na área médica

Requisitos

Cada programa de fellowship na medicina tem seus próprios requisitos para a seleção de alunos. Mas, em geral, é importante saber que são concorridos e muito baseado em mérito. Isto é, além de ter se graduado e ter terminado a residência, alguns programas de fellowship valorizam cartas de referência, comprovação de experiência profissional, pesquisas já publicadas e, em programas internacionais, o domínio do inglês é necessário. O indicado é que o candidato leia com detalhes as qualificações e os requisitos específicos das oportunidades que deseja.

O que considerar ao buscar um fellowship?

  • Reputação no mercado;
  • Compromisso com a inovação;
  • Qualidade do processo de aprendizado;
  • Parcerias estratégicas.

Conheça alguns dos cursos de fellowship em medicina da Ipemed:

Os médicos que leram esse post, também leram:

Todos os Posts