Como se credenciar em um plano de saúde?

Se você decidiu abrir uma clínica ou consultório particular, precisa tomar importantes decisões e algumas medidas práticas. Nesse momento, podem surgir muitas dúvidas, inclusive, como credenciar no plano de saúde. Afinal, é difícil saber se, de fato, é vantajoso aderir aos convênios. À primeira vista, as consultas particulares são mesmo mais interessantes e até mais simples de serem gerenciadas.

No entanto, atender pelos planos pode ser uma estratégia eficiente para aumentar o número de pacientes. Neste post mostramos as vantagens e desvantagens de se credenciar em um plano de saúde. Continue lendo e veja como se cadastrar!

Quais as vantagens e desvantagens do credenciamento?

Antes de tudo, é importante esclarecer uma dúvida recorrente de muitos médicos, principalmente os que estão iniciando a carreira. De fato, em um mundo ideal, o melhor mesmo é atender apenas a consultas particulares, que além de terem ticket médio maior, é possível oferecer aos pacientes um atendimento de mais qualidade. O problema é que o valor repassado pelos planos é muito baixo em comparação ao que é pago em uma consulta particular.

Dessa forma, é necessário atender a muitos pacientes em um mesmo dia, com um tempo bem menor para cada paciente. Ou seja, não é por acaso que muitas pessoas reclamam da falta de atenção dada pelos médicos. No entanto, é possível oferecer um bom atendimento, sem comprometer os seus rendimentos. Basta criar processos, como uma lista de perguntas e um roteiro, que ajude a otimizar o tempo das consultas.

A questão é que, apesar de alguns problemas, o plano de saúde é uma maneira eficiente de conseguir pacientes em um primeiro momento. Afinal, no início da carreira ou na abertura de um consultório ou clínica, é importante que as pessoas conheçam o seu trabalho de alguma forma. Com o tempo, você pode investir em estratégias de marketing para divulgar o seu negócio. Conforme for conquistando mais pacientes, o próprio boca a boca pode contribuir bastante para preencher a sua agenda.

Como credenciar no plano de saúde?

Agora que explicamos as vantagens e desvantagens, podemos partir para o credenciamento em si. O primeiro passo é entrar em contato com a operadora que deseja se credenciar, independentemente de você ser pessoa física ou jurídica. Em seguida, a empresa envia uma ficha de inscrição, na qual devem ser descritos os serviços oferecidos pelo consultório ou clínica, bem como, todos os equipamentos usados para os procedimentos, se for o caso.

Também devem ser enviados alguns documentos. Eles podem variar de uma operadora para outra, no entanto, costumam ser:

  • currículo, diploma, CPF e número do Registro de Qualificação de Especialista (RQE) do responsável técnico;
  • registro do Cadastro Nacional de Estabelecimentos de Saúde (CNES);
  • inscrição do Cadastro de Constituintes Mobiliários (CCM) ou Imposto Sobre Serviço (ISS);
  • registro atualizado no Conselho Regional de Medicina (CRM);
  • alvará da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa);
  • alvará de funcionamento na prefeitura;
  • comprovante de conta bancária;
  • dados do local de atendimento.

Além dos documentos acima, quem tem o Cadastro Nacional de Pessoa Jurídica (CNPJ) deve apresentar:

  • cartão do CNPJ;
  • relação do corpo clínico;
  • contrato social ou ata de constituição;
  • última ata de reunião ou alteração contratual;
  • comprovante do último pagamento da Taxa de Fiscalização de Estabelecimento.

O que considerar ao escolher uma operadora?

Não existe um limite de credenciamento, mas algumas podem pedir uma exclusividade dos médicos. Vale a pena pesquisar bastante e comparar as condições oferecidas antes de se credenciar em um plano de saúde. Alguns detalhes fundamentais que devem ser avaliados são:

  • se a empresa cobre a sua região;
  • a quantidade de pessoas que aderiram ao plano na sua localidade;
  • qual o valor repassado pelas operadoras;
  • o prazo para os repasses;
  • reclamações de outros médicos;
  • outras condições do contrato.

De qualquer forma, antes de se credenciar em um plano de saúde, é muito importante conversar com outros médicos e analisar todas as vantagens e desvantagens de cada plano. Se for necessário, faça um período de teste e veja qual convênio vale a pena para o seu caso.

Gostou de saber como fazer o credenciamento no plano de saúde? Quer conferir mais posts como este? Então, siga-nos no Facebook, no LinkedIn e no Instagram e não perca nenhuma novidade!

Autor(a)

Os médicos que leram esse post, também leram:

Todos os Posts