Como otimizar o tempo das consultas médicas?

Atualmente, o tempo de qualquer profissional é um bem precioso e que precisa ser bem aproveitado. No entanto, no caso de um médico, as consultas médicas não podem ser prejudicadas pela preocupação em simplesmente otimizá-las. Desta forma, é fundamental encontrar maneiras de aproveitar melhor o tempo sem comprometer a qualidade do atendimento aos pacientes.

Mas como é possível otimizar as consultas médicas na prática? Continue lendo este post e confira algumas dicas preciosas e muito simples para a sua rotina!

Preocupe-se com a pré-consulta

O primeiro passo é pensar nos momentos anteriores à consulta. Afinal, o processo pode ser otimizado desde o momento que o paciente entra no consultório ou na clínica. Para tanto, treine bem a sua equipe e proporcione os meios para que o atendimento seja o mais ágil possível.

Assim, construa um cadastro com todas as informações básicas do paciente, que permitam um bom entendimento da situação dele. Além das informações pessoais básicas, pode-se incluir peso, altura e até resultados de exames anteriores.

Use a tecnologia a seu favor

Todos esses dados podem ser armazenados em um mesmo sistema e usados sempre que o paciente retornar. Ou seja, não é necessário preencher novamente o cadastro, apenas fazer atualizações, quando for o caso.

Com esse mesmo tipo de software pode ser realizado o prontuário eletrônico e, também, as prescrições digitais, que reduzem bastante o tempo das consultas médicas. Além disso, ele pode ser integrado com a sua agenda, mantendo um registro completo dos seus compromissos.

Organize e atualize a sua agenda

Porém, de nada adianta armazenar sua agenda se você não mantém seus compromissos organizados e atualizados. Afinal, ela é a sua grande aliada na hora de otimizar o tempo das consultas médicas. Basta pensar no quanto a falta de organização pode comprometer o tempo que você leva entre uma consulta e outra.

Se você atende em diferentes locais, uma agenda bem-organizada é muito importante para aproveitar melhor o tempo entre um horário e outro, tanto para questões profissionais quanto para pessoais.

Saiba conduzir as consultas médicas

Depois de ter sua rotina mais organizada, é hora de se preocupar com as consultas médicas em si. É muito importante ouvir os seus pacientes, mas é necessário, também, saber conduzir a consulta. Muitas pessoas ficam travadas e, sem saber, o que dizer aos médicos e é nessa hora que você precisa tomar a frente.

Assim, você deve direcionar o rumo da conversa, fazendo perguntas, completando algumas falas dos pacientes e explicando algumas coisas. Isso é bom até para não haver desvios, que podem tirar o foco do assunto e ocupar um tempo além do necessário.

Prepare um roteiro de atendimento

Mas e se você é quem fica sem saber o que perguntar? Para evitar que isso aconteça, é bom preparar um roteiro básico com as perguntas mais importantes. O ideal é que elas sejam direcionadas à sua especialidade, facilitando e agilizando o atendimento.

Isso não significa que as suas consultas médicas devam ser engessadas e limitadas a um roteiro pronto. Pelo contrário, as perguntas pré-programadas ajudam a iniciar a conversa e servir como base para outras questões mais individualizadas.

Esperamos que essas dicas tenham sido úteis para você. No entanto, é bom lembrar que otimizar as consultas médicas não quer dizer deixar de ouvir os pacientes, deixar de dar atenção, ou até mesmo, apressá-los.

Ao contrário, é uma maneira de ser objetivo e tentar resolver o problema deles da melhor forma. Agora queremos saber de você! Tem alguma dificuldade em organizar sua agenda? Como faz para otimizar as suas consultas? Deixe sua resposta nos comentários abaixo!

Autor(a)

Os médicos que leram esse post, também leram:

Todos os Posts